Luto. Morre o Radialista Antônio Marcos Pinto

0
33

 

Faleceu, no começo da noite de quarta-feira (25), às 18h, o radialista Antônio Marcos Pinto, conhecido como Toninho Pinto. O profissional da comunicação, um dos pioneiros da profissão em Barroso, lutava contra um tipo de câncer no sangue

Na manhã da terça-feira (24), depois de seguidas sessões de quimioterapia, Toninho não suportou os efeitos colaterais do tratamento e deu entrada no Centro Intensivo de Terapia, CTI, do Hospital Monte Sinai, em Juiz de Fora, onde vinha se tratando. Antônio Marcos, religioso católico, enfrentou a doença com muita fé até os últimos segundos de sua vida.

As sessões seriam seis no total, chegando ele a realizar quatro, eram a única chance de preparar o corpo de Toninho para receber um transplante de medula. Porém, ele não resistiu à quimioterapia, passou mal durante a noite de terça com a respiração comprometida e acabou sendo entubado, dando entrada no CTI, onde permaneceu por cerca de 40 horas. O câncer de Toninho foi diagnosticado em novembro de 2011. Ele passou por sessões de quimio, realizou um auto-transplante de medula em 2012 e estava praticamente curado, quando, em novembro de 2014, três anos depois, a doença retornou, mais forte.

Também muito conhecido em Barroso e região como Toninho Papagaio, Antônio Marcos perdeu a luta contra a doença aos 51 anos de idade e deixou três filhas e três irmãos, entre eles o vice-prefeito do município, Doutor João Pinto, que acompanhou o irmão pessoalmente durante todos os dias da sua luta contra o câncer. De acordo com a família, seu corpo será velado em Barroso, em local ainda a ser informado, e seu sepultamento acontecerá nesta quinta-feira (26), no Cemitério Paroquial.

Atualmente Antônio Marcos estava afastado do cargo de diretor de Jornalismo da Rádio Sucesso FM, em Barbacena, de seu programa como locutor-apresentador, nas tardes da Rádio Atrativa FM de Dores de Campos e atualizava, mesmo muito doente, o seu blog Girando com a Notícia, parceiro do site Barroso EM DIA.

A HOMENAGEM DE UM COMPANHEIRO

Desde o início da carreira de Antônio Marcos no jornalismo ele esteve ao lado do radialista Rogério Varandas, então apresentador do programa Contato Direto. Rogério, que publica no BARBACENAMAIS os perfis dos profissionais da radiodifusão em Barbacena, ao saber da notícia, emocionado, escreveu para o amigo e colega de trabalho as seguintes palavras:

“Acabei de tomar conhecimento do falecimento do radiojornalista Antônio Marcos Pinto. Descanse em paz companheiro… Gigante do ar! Trabalhamos juntos na Sucesso FM. Vivemos juntos, momentos alegres, tristes, profissionais. Passeamos por diversas estradas do verdadeiro radiojornalismo. Agora emocionado, em lágrimas, me curvo, a figura harmônica do irmão e guerreiro Antônio Marcos. A Radiodifusão em Barbacena vai sentir a sua falta dileto companheiro! Siga, serenamente a sua estrada… Um dia com certeza nos encontraremos em algum ponto do Universo para continuar falando sobre a magia do rádio. Foi uma honra ter sido seu parceiro! Que o Grande Arquiteto do Universo ilumine com fraternidade e aproximação Crística o seu bondoso espírito. Continue caminhando Antônio Marcos… Até breve!”

NOTA DO BARBACENAMAIS:

Nesta edição do Projeto Radiodifusão no BarbacenaMais, publicamos o perfil do radialista Antônio Marcos Pinto, numa homenagem de Rogério Varandas e do BarbacenaMais ao profissional de imprensa que deix auma grande lacuna dentre os comunicadores de nossa cidade.

Antônio Marcos Pinto nasceu no dia 20 de agosto de 1963, em São João Del Rei. Filho de Geraldo Pinto e Eni Barbosa Pinto. Começou a trabalhar aos 13 anos como contínuo na Contabilidade Silas Ribeiro de Moura e, em seguida, na Contabilidade Palmyra. Aos 14 anos, foi atuar como escriturário no Cartório de Registro Civil Arthur Magalhães de Souza.

Aos 17 anos, incentivado pela mãe, prestou concurso público para a Caixa Econômica do Estado de Minas Gerais (MinasCaixa), sendo aprovado em terceiro lugar, iniciando como economiário no cargo de escriturário. Na agência de Barroso, onde trabalhou por cerca de 13 anos, realizou inúmeros cursos internos de qualificação profissional. Passou pelos setores de Cadastro, Centralização, Carteiras Habitacional, Agrícola e Bancária, Caixa-Executivo e Sub-Gerência.

Com a extinção da MinasCaixa, no início da década de 90, foi transferido para a Secretaria de Estado de Educação, sendo lotado na Escola Estadual Francisco Antônio Pires, em Barroso. Pouco tempo depois, desligou-se do Estado.

Mais tarde, prestou seus serviços à Cooperativa de Crédito Campo das Vertentes (Credivertentes), do sistema Banco Cooperativo do Brasil (Bancoob).

Antônio Marcos iniciou sua carreira artística como locutor aos 15 anos de idade, sendo contratado pelo sistema de sonorização “Stúdio JF” de Barroso. Em 28 anos de profissão, foi assessor de Comunicação da Prefeitura de Barroso, assessor de Imprensa da Câmara Municipal de Barroso, e, como comunicador, atuou em mais de 125 municípios mineiros, tendo como sua principal agenciadora a “Tempo Livre Promoções” com sede na cidade de Coronel Xavier Chaves.

Nessa trajetória, recebeu as seguintes homenagens: Diploma de “Honra ao Mérito” como “Locutor Revelação Regional”, por uma empresa de comunicação de São João Del Rei; foi homenageado por duas vezes pela Prefeitura de Cipotânea em reconhecimento ao trabalho de apresentador da Festa do Milho; foi agraciado com a placa de “Locutor Destaque Regional” pelos organizadores de uma das edições da Exposição Agropecuária de Senador Cortes, na Zona da Mata; homenageado como “Locutor Destaque” em um dos Carnavais e uma das edições da Festa da Cavalhada, em Mateus Leme, próximo a Divinópolis.

Antônio Marcos gravou dois CDs com narrativas bíblicas e de reflexão.

CARREIRA NO RADIALISMO

Antônio Marcos começou como radialista em 1989, na A.B.C. Rádio e Televisão Ltda – SUCESSO FM, em Barbacena, como estagiário de programação, e, paralelamente, gravando comerciais em estúdio. Essa rotina deu-se por um período de seis meses, aproximadamente.   Logo depois, em razão de sua experiência como locutor e na área de reportagem, foi convidado pela direção da emissora para atuar como repórter.

Acumulando experiência e sempre atento aos ensinamentos de seus companheiros de trabalho, conseguiu a confiabilidade e a credibilidade da direção-geral da emissora, sendo promovido a diretor de Jornalismo, cargo que ocupava desde 2000. Apresentava o programa Contato Direto ao lado do companheiro Ivan Eustáquio.

Antônio Marcos, dono de uma das mais belas vozes do rádio, integrou a Assessoria de Comunicação do então deputado federal Hélio Costa, em seu segundo mandato. Foi um dos assessores de Imprensa na campanha vitoriosa de Hélio para o Senado, participando ativamente dos compromissos políticos do então candidato por todo o Estado de Minas Gerais.

Fonte:www.barbacenamais.com.br