Notas falsas de R$ 100,00 circulam em Alto Rio Doce.

0
14
Os cinco integrantes, dentre eles uma menor, foram localizados em Dores de Campos e encaminhados para a Delegacia juntamente com R$ 13.900,00 em cédulas falsas.

notas_falsas_alto_rio_doce
No último sábado (29/06), a Polícia Militar prendeu uma quadrilha que estava atuando em cidades da 13ª RPM aplicando os golpes com a utilização de moedas falsas desde o dia 27 de junho. Os autores, três mulheres e dois homens, todos do estado de São Paulo, foram presos em Dores de Campos e estavam num veículo Celta, placa EMO – 0531, cor prata, com R$ 13.900,00 em cédulas aparentando serem falsas.

O registro da prisão se deu quando uma vítima apresentou à PM uma nota de R$ 100,00 aparentando ser falsa e informou que uma mulher loira, com blusa branca e tatuagem de meninas no ombro, havia comprado duas latas de refrigerante pelo valor de R$ 5,00 e, ao receber o troco, saiu num veículo Celta com mais dois homens e duas mulheres. A Polícia iniciou rastreamento e abordou o veículo encontrando notas aparentemente falsas e materiais adquiridos no comércio para trocar o dinheiro ilícito. Uma das autoras assumiu ser a proprietária do material, bem como de metade do dinheiro falso e do equipamento para confeccionar as notas, mas não soube precisar onde o equipamento estava.

Os autores revelaram que vários outros produtos encontrados foram adquiridos nos comércios das cidades de São Tiago, Ritápolis, São João del-Rei, Barroso, Desterro do Melo, Alto Rio Doce e Dores de Campos como forma de trocar as notas falsas de R$ 100,00 em notas verdadeiras. Além do dinheiro e produtos, também foi encontrada uma carta tratando da venda de apartamentos, salões comerciais e do veículo Celta e uma agenda com a contabilidade do grupo.
Diante dos fatos, foi dada voz de prisão em flagrante delito aos autores e apreensão da menor infratora, sendo os mesmos conduzidos à Delegacia de Polícia, juntamente com os materiais apreendidos: 139 cédulas de R$ 100,00 aparentando serem falsas, totalizando R$13.900,00; R$3.521,10 em moeda corrente; celulares; cupons fiscais; CRLV do automóvel; um kit de maquiagem e duas buchas de substância semelhante à maconha.