Jogador mineiro bate recorde de gols na China.

0
246

De Congonhas para o mundo. O jogador Ivo Alexandre Leite Freitas, conhecido no futebol apenas como Ivo, vem ganhando destaque profissional. O atleta, hoje com 28 anos, joga atualmente no time de futsal do Qingdao Zhuo Sports, da China.

Ivo ficou consagrado no futsal chinês. Quando estava jogando na equipe Pulo do Gato, de Campinas/SP, surgiu a oportunidade de se transferir para a China. Ivo aceitou e mudou para a Ásia no ano passado. Logo em sua primeira temporada (2011/12), o jogador tornou-se o maior recordista da história do futsal chinês, com 107 gols marcados em uma única temporada, mesmo com a equipe ficando no 6º lugar.

Na atual temporada, o Qingdao se reforçou ainda mais e está atualmente na vice-liderança. Ivo já fez 44 gols até então e está na briga por nova artilharia.

“Foi um orgulho muito grande ter conquistado esta marca aqui na China. Logo no meu primeiro ano, apesar de todas as dificuldades de adaptação – como o idioma, a cultura e o clima – eu consegui me sobressair e me valorizar. Estou muito feliz com meu momento profissional e espero voltar ao Brasil daqui a algum tempo, para jogar em uma grande equipe da Liga Futsal. Mas, antes, nosso foco aqui é no título nacional deste ano. Estamos em segundo lugar e os dois próximos meses serão decisivos”, afirmou o jogador.

Saiba um pouco da história do atleta

Ivo nasceu em Congonhas no ano de 1984. Filho de Anilton da Silva Freitas (mais conhecido como Cabrita) e Edir Ferreira Leite Freitas, Ivo sempre morou no bairro Barro Preto, junto com os irmãos Paulo Henrique e Viviane Sofia. O pai trabalhava na Gerdau Açominas e a mãe era pedagoga. Ivo estudou nas escolas Judith Augusta Ferreira, Lamartine de Freitas e Nossa Senhora da Piedade, onde a Educação Física era sempre a disciplina favorita.

Seus primeiros chutes foram na escolinha em Congonhas. Depois, foi para o AEA (Associação dos Empregados da Açominas), em Ouro Branco, revezando entre o futebol de campo e o futebol de salão. Aos 17 anos, ele foi para o futebol de campo do Atlético/MG, em Belo Horizonte, passando pelas categorias de base do clube. Mas o atleta não se profissionalizou no Galo e passou também por URT e Mamoré, em Patos de Minas. De volta a Congonhas, o jogador por pouco não parou de jogar, mas ele retornou ao futsal na cidade de Campinas, recebendo posteriormente uma proposta do time chinês.

“Vivi toda a minha infância e parte da juventude em Congonhas. É a minha cidade, tenho muito orgulho dela. Não vejo a hora de entrar de férias para ir pra lá e ficar ao lado da minha família e dos meus amigos”, comentou Ivo. O jogador ainda fez questão de lembrar seu antigo treinador da cidade. “Muitas pessoas na cidade me ajudaram a chegar aonde cheguei. Agradeço a todos que me apoiaram. O Luiz Fernando Correa, atual treinador da seleção de Congonhas, foi um dos treinadores que mais me deu apoio e me ensinou coisas importantes no futsal. Espero em breve retornar à cidade e rever todos os amigos”, finalizou.

Veja os melhores momentos de Ivo em sua primeira temporada no futsal chinês.

Fonte: Fato Real