Anastasia chega de helicóptero, inaugura fórum e não enfrenta protestos.

0
17

Autoridades prestigiaram a inauguração do novo fórum

O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, participou em Conselheiro Lafaiete nesta segunda-feira 13/05 da inauguração das novas dependências do Fórum Dr. Assis Andrade. A comitiva, que incluiu também o vice governador Alberto Pinto Coelho, não veio de carro pela BR 040, como sugeriram vários leitores do Fato Real, e sim, de helicóptero.

Com um sistema de segurança reforçado, o governador também não passou por nenhum constrangimento de encontrar manifestantes. O baixíssimo púbico que tentou aproximar da área do evento foi mantido bem distante. Protesto mesmo só da imprensa local, indignada com as dificuldades impostas para trabalhar e do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação Sind-Ute, que exibiu algumas faixas. 

Profissionais da educação pediram diálogo com o trabalhador

Do lado de dentro o cerimonial seguiu o de praxe com lançamento do selo comemorativo pela inauguração, descerramento da placa e os discursos.

Representantes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário na cerimônia

 

 

 
Autoridades e convidados acompanharam a solenidade

Novo prédio

Novo prédio na rua Melvin Jones, bairro Campo Alegre

Com investimentos o Governo do Estado no total de  de R$ 12,7 milhões, o prédio possui completa estrutura para atividades forenses, com capacidade para abrigar 15 varas e possibilidade de ampliação. O fórum contará com estruturas de voz e dados, possibilitando a informatização plena da comarca, além de Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas (SPDA) e instalações de prevenção e combate a incêndio.

O projeto garantiu a plena acessibilidade para portadores de deficiência física através de rampas externas e elevadores, instalação sanitária com equipamentos e dimensões adaptadas às suas necessidades.


O diretor do Foro, José Aluisio Neves da Silva informou que apesar da inauguração os próximos dias ainda serão de mudança e adaptação. Até a próxima quarta-feira (15) este trabalho deve ser feito, mas, ainda pode ocorrer necessidade de prorrogação.  Durante este período os prazos processuais ficam suspensos. 

Sobre a destinação dos prédios que hoje abrigam os trabalhos do judiciário (Fórum Assis Andrade e o anexo) foi informado que o anexo será devolvido ao proprietário, já que é alugado. Quanto ao “fórum antigo” deverá ser destinado ao município.

O prefeito dr.Ivar confirmou que fez solicitação para que o prédio seja cedido ao município para abrigar setores dos serviços públicos municipais. O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, Joaquim Herculano Rodrigues, confirmou que o imóvel não pertence ao TJMG, portanto será devolvido ao seu proprietário, o  governo de Minas Gerais.

FONTE